Dricatube

Loading...

Caixa de Pesquisa

Agenda

#Império: Segunda a Sábado, a partir das 21:20 na Globo.

Translate/Tradução

sexta-feira, 20 de junho de 2014

Revirando o Baú, traz Manoushe.





Sinopse

Na escuridão de uma noite rural, um clã de ciganos se junta para honrar seu amado patriarca em um ritual de música e dança. Nesta festividade, a idosa viúva começa a se lembrar, através de uma série de flashbacks, do início de seu romance repleto de aventuras.



Ficha Técnica


Direção: Luiz Begazo
Roteiro: Luiz Begazo
Produção: Luiz Begazo
Música original: Paco de Lucia
Fotografia: Renato Padovani, Hélio Silva
Edição: Marta Luz
Câmera: Carlos Marchand



Elenco


Breno Moroni 
Drica Moraes 
Telma Reston 
Alfredo Murphy 
Luyza Fevhuime 
Julio Levy 
Mabel Martin 
Los Romeros 
Lélia Abramo 
Candido Pires



TRAILER 

A primeira foto da vilã Cora, de Império.

Vilã à la Perpétua em 'Império', Drica Moraes diz que se contentou com filho único: 'A lombar não deixa'

Drica Moraes como a vilã Cora de 'Império' (Foto: TV Globo/ Paulo Belote)

Conseguir alguns minutos da atenção de Drica Moraes tem sido difícil ultimamente, desde que as férias escolares do filho Matheus, de 5 anos, a Copa do Mundo, as obras na casa e o início da gravação da próxima novela das 21h da Globo, "Império",  se embolaram e viraram do avesso a rotina da atriz. Ainda mais porque Cora, papel que lhe foi dado por Aguinaldo Silva, terá um espaço grande na história. Será uma vilã daquelas: uma mulher complexa que, nas palavras de Drica, mistura violência, loucura e sensibilidade.
- Ela é baseada nas tias de (Frederico García) Lorca (poeta e dramaturgo espanhol), nas mulheres do Nelson Rodrigues. Ela queria ser a irmã, quer tudo o que a irmã teve, é baseada na própria Perpétua (megera também criada por Aguinaldo em "Tieta", de 1989, vivida por Joana Fomm). É uma Perpétua do século 21. Ela é muito simples, modesta e misteriosa. Não tem grandes arroubos no figurino. É seca, não é barroca.
"Império", segundo ela, será "um novelão".
- Será uma montanha-russa. Fico encantada com a velocidade e pensando em como darei conta. Estou me sentindo como Neymar. Estou inteira ali, mas não me sinto pressionada por nada. Quero estar bem feliz e bem treinada. Estou treinando, na concentração. Queremos a taça, mas sabemos que temos muito trabalho pela frente - diz ela, sobre as expectativas sobre o desempenho da novela.
Não é a primeira vilã da carreira da atriz. Entre as mais marcantes, ela cita a Violante, de "Xica da Silva", de Walcyr Carrasco, exibida pela Manchete, em 1996, e a Marcela de "O cravo e a rosa", também de Walcyr Carrasco, que tinha caráter mais burlesco, próprio para a comédia de costumes. Já de Cora, o público deve esperar mais crueldade.
- Cora é a mais vilã de todas, pois o horário permitirá fazer absurdos maiores.

Drica também pode ser vista no cinema, no longa "Getúlio", de João Jardim, como Alzira Vargas, filha do ex-presidente e seu braço direito, e acaba de encerrar uma turnê da peça "A primeira vista", na qual contracena com Mariana Lima. Em cartaz desde 2012, o espetáculo foi o primeiro trabalho de Drica depois de se recuperar de uma leucemia diagnosticada em 2010.
- Agora, estou totalmente focada na novela. Não tenho mais como juntar vários trabalhos. Não pela doença, mas pelo Matheus. Moro sozinha com meu filho, tenho uma jornada dura de pegar, levar, estudar, fazer dever. Tenho uma estrutura, mas sou uma mãe muito presente. Sinto necessidade de ser. Mais do que isso, sinto prazer, gosto de brincar, de estar junto, de ver crescer  e se desenvolver. Sem isso, não teria muita graça - diz ela.
Aos 5 anos recém completados, Matheus  é "um falso menino grande".
- Ele está se pré-alfabetizando, está com 1m20cm. É meio bebezão, meio rapazinho.
Drica diz que se contentou com o filho único.
- Parei no Matheus, senão nunca mais voltarei a trabalhar intensamente. Estou com 44 anos. Eu gostaria de outro filho, mas minha lombar não permite. Ele ainda pede colo, pede um irmão, pede que eu adote outro, mas não vai dar por causa da lombar - brinca a atriz.

Entrevista ao Canal Brasil

Entrevista para o Canal Brasil, CLIQUE AQUI

Quem tiver TWITTER, pode sugerir ao Canal Brasil a exibição de alguns filmes que contam com a participação da Drica>

PERFIL CANAL BRASIL

No momento, estamos pedindo o filme #TRAIÇÃO.

#Participe #SugiraTraição


Preparativos para o Aniversário da Drica!!! 4.5

Boa noite, meus amores!!

Como todos aqui já sabem, dia 29 de julho deste ano, a Drica completará seus 45 aninhos de vida. Nossa, nem parece, não é mesmo? Eu não consigo acreditar, ainda não caiu a ficha. Parece que foi ontem, que eu estava assistindo Quatro Por Quatro (1995) e rindo à bessa com aquela menina marota, super divertida, engraçada, que era a personagem Denise. E como o tempo passou e rápido. Lá se vão quase 20 anos e a minha admiração pela Drica só faz aumentar. Bom, onde quero chegar com tudo isso?

Estou reunindo os fãs da Drica para uma belissima homenagem de aniversário. Como vai funcionar???

Cada fã deverá gravar um DEPOIMENTO, com o tamanho máximo de 2 minutos. Me enviem os vídeos até o dia 10/07, pois precisarei editá-los. O email para envios é este AQUI: studiomagschneider@gmail.com

Depois da data mencionada, não aceitarei mais vídeos, pois como disse anteriormente, vou editá-los e isto requer tempo e tudo já programado no meu calendário. Recolhimento dos Vídeos, edição dos mesmos, lançamento aqui no Blog, no Fã Clube/ Fan Page e demais redes sociais. E por último, o envio para a própria Drica, no Rio.

Então, é isso pessoas! PARTICIPEM!!! Conto com o apoio de vocês.

POR Mag Schneider, a blogueira e organizadora!




quinta-feira, 19 de junho de 2014

Uma matéria que nos fala sobre o enredo de Império, a nova novela das 21 horas da Rede Globo.

De volta ao Clássico!

A Dualidade entre vilã e mocinha bem estabelecida, conflitos familiares e brigas por poder. São esses alguns dos elementos principais de “Império”, próxima novela das nove da Globo. No lugar da narrativa contemplativa de “Em Família”, a nova trama de Aguinaldo Silva, com estreia prevista para o dia 21 de julho, aposta na disputa por poder dentro de uma mesma família como argumento central e promete agilidade no desenvolvimento da história. “A novela terá muitos elementos que eu já abordei em tramas anteriores, mas considero ‘Império’ como um dos textos mais fortes da minha carreira. A base será a disputa de marido contra esposa e irmão contra irmã pelas posses e bens familiares. Lília Cabral, Alexandre Nero, Drica Moraes e Leandra Leal vão comandar a ação. Eu não poderia estar mais satisfeito”, diz o autor.

O folhetim gira em torno de José Alfredo, protagonista interpretado por Alexandre Nero. Uma espécie de anti-herói, trata-se de um homem que enriqueceu depois de encontrar diamantes no Monte Roraima, entre Venezuela, Brasil e Guiana, e construiu um império do zero. “Lá, ele começa a viver, tomar tiro, começa a entender de negócios e enriquece de maneira não muito idônea, como um monte de gente poderosa que a gente vê por aí”, compara Nero.
O jeito mais duro do personagem, no entanto, surge antes disso. José Alfredo passa por uma desilusão amorosa com a cunhada, Eliane, de Vanessa Giácomo, mulher de seu irmão, com quem planejava uma fuga. Mas ela morre ainda na primeira fase da trama, que dura quatro capítulos. Já na segunda fase, surge Cristina, mocinha vivida por Leandra Leal, filha de Eliane. Ela é uma mulher que trabalha para contribuir no orçamento da família e se vê em uma situação complicada quando o irmão é preso e o sobrinho, levado embora. Cristina descobre ser filha de José Alfredo, que, a essa altura, é um chefe de família que recebeu uma comenda do governo. Até que ele decide transferir o poder a um dos três filhos: o mimado João Lucas, de Daniel Rocha, o ambicioso José Pedro, de Caio Blat, ou Maria Clara, de Andréia Horta. E é isso que vai gerar uma forte tensão na família.
Por Luana Borges
TV PRESS

Notícias sobre Império, a nova novela das 21 horas. #VemAíImpério

'Cora é controladora', diz Marjorie Estiano sobre vilã que vive em 'Império'


Quem se lembra da bondosa e ética Laura, de Lado a Lado, vai ter uma surpresa ao ver Marjorie Estiano em seu novo trabalho na TV. Na primeira fase de Império, a atriz vive Cora, uma mulher amargurada e fria, que faz de tudo para acabar com o romance entre a irmã,Eliane (Vanessa Giácomo), e José Alfredo(Chay Suede). “A Cora é uma personagem cheia de lugares não realizados, é controladora e diz para as pessoas o que elas devem fazer”, analisa.
Em defesa da personagem, Marjorie acha que a moça não chega, de fato, a ser uma pessoa amoral. “A maior maldade que ela faz nesse primeiro momento é para o bem dela e da irmã. Então, existe uma justificativa por trás disso”, opina a atriz. “Ela não tem consciência de que está sendo má”, completa, com um tom otimista.
Marjorie Estiano como Cora (Foto: TV Globo)
Na segunda fase da trama, Cora vai ser interpretada por Drica Moraes. As atrizes conversaram, fizeram exercícios e se encontraram com um preparador artístico para buscarem nuances para as duas fases da personagem. “Ela é disponível, interessada e nada vaidosa enquanto atriz. Se eu já admirava a Drica, depois desse tempo que passamos juntas, só pude constatar o quanto ela é maravilhosa”, rasga-se.
Império é uma novela escrita por Aguinaldo Silva, com direção geral e de núcleo de Rogério Gomes. A estreia está prevista para julho.



16º PRÊMIO CONTIGO! DE TV

Olá minha gente!

O Prêmio Contigo de TV! está com votações abertas, então peço que votem muito!!!

DRICA MORAES- MELHOR ATRIZ DE SÉRIE
link: VOTAÇÃO CONTIGO!!! PARTICIPE!



segunda-feira, 2 de junho de 2014

Relembrando: #Traição

Filme "Traição", um filme Brasileiro do ano de 1998, dirigido por Arthur Fontes, José Henrique Fonseca e Cláudio Torres. 

Três histórias baseadas em crônicas do dramaturgo Nelson Rodrigues, que se passam em épocas diferentes, no Rio de Janeiro. 

1. O primeiro pecado. 2. Diabólica. 3. Cachorro. 

Drica participou de #cachorro, representando a esposa que trai o marido, com o melhor amigo dele.


WikiDrica

Resultados da pesquisa

Visualizações da Página